O que encontrar do outro lado da esquina... uma luz, um amor, um sonho, um silêncio, um verbo ou uma conjunção que conecte dois mundos?



domingo, 28 de agosto de 2011

O Inimigo



Um homem só em sua casa de aço.
Fechou as portas e janelas e buracos.
Tinha pânico de Medo.
De repente ouviu uns passos,
um tambor que marcava o tempo,
uma voz que soprava com fúria o vento.
"Não estava só", estremeceu-se ao pensar nisso...
Ele havia esquecido que tinha vida.



2 comentários:

Edmilson Naves disse...

...as vezes temos necessidade de solidão, outras necessitamos de movimento, todas as condições são de expressão do corpo e mente, lembrança e esquecimento, mas em tudo há vida. Parabéns, Ed.

Silencio disse...

Obrigada, meu amigo, que bonita é sua interpretação...adorei!