O que encontrar do outro lado da esquina... uma luz, um amor, um sonho, um silêncio, um verbo ou uma conjunção que conecte dois mundos?



domingo, 21 de agosto de 2011

Quase Amar



Diante da minha sacada,
é o mar da minha cidade
espumante e fresco,
é uma taça
de vinho e vento
que brinca com as pontas dos dedos,
é o sol que se deita na areia
faz amor com tua pele morena
e é teu rosto sereno que descansa
no regaço da lua mais cheia,
com sorriso frágil nos revela
o que há de mais forte em ti
e o mais valioso em mim.
Essa vida que nos permite
sentir a emoção de ser...
essa vida que nos promete
sempre um novo amanhecer.





Nenhum comentário: